Revolução Industrial 4.0 | Você está preparado?

Já ouviu falar em performance comunicativa?
15 de Abril de 2019
Por que parece ser tão difícil ser feliz no amor?
6 de junho de 2019

Revolução Industrial 4.0 | Você está preparado?

[Revolução Industrial 4.0] Não é novidade para ninguém que a tecnologia está mudando o mundo e nos levando para um futuro ainda desconhecido. Mas você já se deu conta de que nos próximos anos a inteligência artificial vai tirar milhares de pessoas do mercado de trabalho e que esse é um problema que vai afetar a economia global?

 

Até o próximo ano, 35% das habilidades mais demandadas na maioria das ocupações deve mudar, segundo relatório do Fórum Econômico Mundial. Desenvolvimentos como a robótica avançada, transportes autônomos, inteligência artificial e biotecnologia vão simplesmente transformar a forma como vivemos e trabalhamos.

AI robotic operations tablet

Com a inteligência artificial os robôs serão capazes de assimilar quase qualquer habilidade técnica que temos hoje, mas não conseguirão tão cedo aprender as habilidades comportamentais. Sendo assim, é possível afirmar que a grande chave do sucesso nesse futuro tão próximo serão as habilidades comportamentais. Isso significa que o grande diferencial será saber COMO pensar e não NO QUE pensar, como fomos ensinados.

 

E como se preparar para todas essas mudanças?

Confira as habilidades que irão ganhar destaque no mercado de trabalho:

 

1 – Resolução de problemas complexos

Esta habilidade é representada pela capacidade de percepção e criação de estratégias efetivas para resolver situações adversas e mal definidas. Cada vez mais o mercado busca pessoas que conseguem olhar para o problema sem complicar ele. Para encontrar uma solução é necessário compreender e contextualizar o problema, e, principalmente, saber encarar ele de frente.

 

2 – Pensamento crítico

Ter pensamento crítico é diferente de ser rebelde sem causa. O pensamento crítico é baseado na capacidade de analisar uma situação de forma madura e coerente. É a capacidade de olhar para uma questão sob diferentes perspectivas, ou seja analisar, refletir e contextualizar do problema.

 

3 – Criatividade

Essa será uma das três competências cruciais para os trabalhadores no futuro (que está muito próximo). O mercado exigirá cada vez mais profissionais que buscam inovações, mas não apenas referente à algo original e único, mas que permita atribuir valor e que contribua com algo.

 

4 – Gestão de Pessoas

Para o trabalho em equipe é essencial trabalhar JUNTO com as pessoas. A capacidade de motivar, desenvolver pessoas e de identificar talentos é fundamental na gestão de pessoas.

 

5 – Coordenar-se com outros

Essa habilidade se refere à capacidade de coordenar as próprias ações de acordo com as ações de outras pessoas. A ideia de individualidade simplesmente cai por terra, hoje é necessário conectar nossos conhecimentos com outras pessoas, isso está relacionado diretamente à colaboração e facilitação de processos.

 

6 – Inteligência emocional

Essa habilidade é exatamente o diferencial do ser humano sobre a inteligência artificial. A gestão adequada das emoções é uma habilidade que envolve 5 características principais: autoconhecimento, autogerenciamento, motivação, empatia e habilidades sociais.

A Inteligência Emocional não significa ter controle das emoções, mas GERENCIAR as emoções. É a capacidade de perceber as outras pessoas e agir de forma assertiva e responsável por aquilo que escolheu fazer e ser.

 

 

 

7 – Tomada de decisão e discernimento

O mercado está disputando cada vez mais os profissionais com habilidade para avaliar situações, julgar e tomar decisões a partir disso. Principalmente aquelas que tomam essas decisões sem que isso as favoreçam.

 

8 – Orientação para o serviço

Na era da revolução industrial 4.0 o conhecimento técnico é algo que o computador já tem, destaca-se quem está disponível para transmitir seu conhecimento para as pessoas.

 

9 – Negociação

Se relacionar com as pessoas é uma negociação constante. A capacidade de conversar, conciliar diferenças e chegar à um denominador comum é essencial para todos os profissionais.

 

10 – Flexibilidade cognitiva

Chegou a era onde é vital a capacidade de aprender, desaprender e reaprender. Para isso, é necessário questionar as próprias verdades, duvidar de si e dar oportunidade para novas descobertas, quebrar paradigmas e entender que nem sempre temos razão.

 

 

As coisas serão diferentes nesse novo cenário. E para se dar bem nele é necessário não criar resistências e ter a mente aberta para novas possibilidades. E nós da Sagicon estamos aqui para te ajudar nessa jornada. Vem com a gente!

 

Leia também: Reinventar sua carreira será a competência mais valiosa